• Verônica Bernardino

Mercado da Moda

(4 minutos de leitura)


Sobre o mercado da moda no mundo

Segundo a kantar, especialista em análise e previsão de negócios, o mercado da moda só tem a crescer nos próximos 5 anos. Setor varejista, deve registrar mundialmente um aumento anual de 3,9% até 2025, totalizando 64 bilhões de dólares.


Foco no e-shop

“Vale destacar ainda que o canal eletrônico é quem impulsionará esse crescimento no futuro. As vendas eletrônicas, que hoje representam 12,1% das vendas no varejo em todo o mundo, devem crescer quatro vezes mais rápido que as transações físicas nos próximos cinco anos. Este valor chegará a 1.600 bilhões em 2025, de acordo com as projeções da kantar.”

Mercado da moda no brasil

“O Brasil é a maior cadeia têxtil completa do ocidente. Só nós ainda temos desde a produção das fibras, como plantação de algodão, até os desfiles de moda, passando por fiações, tecelagens, beneficiadoras, confecções e forte varejo.” Fonte: Abit


O Brasil é:

2º maior empregador da indústria de transformação, perdendo apenas para alimentos e bebidas (juntos);

2º maior gerador do primeiro emprego;

4º maior produtor e consumidor de denim do mundo;

4º maior produtor de malhas do mundo;

A moda brasileira está entre as cinco maiores semanas de moda do mundo;

Brasil é referência mundial em design de moda praia, jeanswear e homewear, tendo crescido também os segmentos de fitness e lingerie.

Fonte: Abit


Consumidor consciente = moda empata

De acordo com o “the state of fashion 2021", nada menos do que dois terços dos entrevistados deixariam de comprar ou reduziriam significativamente o volume de compras de marcas que maltratassem seus empregados ou fornecedores.


Consumidor consciente = sustentabilidade

Será importante enfrentar o desafio da sustentabilidade: hoje, cerca de 12% das fibras de tecidos usadas no processo de fabricação de roupas são descartadas na fábrica, 25% dos itens permanecem sem comprador e apenas 1% dos produtos são reciclados, o que eleva tremendamente o desperdício no mundo da moda.

Esperança pra quem inovar

“O negócio da moda, sim, tem futuro. No entanto, assim como tudo na vida, precisará evoluir, com o agravante de que o momento é complicado e o ambiente de negócios, hostil. Nesse cenário, é natural esperar movimentações importantes dos principais jogadores, dificuldades por parte de marcas menos preparadas e surgimento de novos formatos, introduzidos por inovadores prontos para explorar um novo mundo, cheio de desafios e também de oportunidades.” Luiz Alberto Marinho sócio-diretor da Gouvêa Malls.


11 profissões na Moda


1) estilista/fashion designer

Estilista é uma das profissões mais conhecidas dentro da moda. idealiza, desenha, desenvolve e produz as coleções de moda.


2) compradora de moda/fashion buyer

Esta profissional faz parte da produção da coleção e fica responsável pela compra de tecidos, aviamentos, encontrar fornecedores, negociações, análise do consumidor final, estudo e pesquisa de tendências.


3) visual merchandising

Podemos englobar os vitrinistas aqui. Combinam o comportamento humano, marketing, design, arquitetura e comunicação visual para oferecer uma experiência (online/física) marcante e atrativa ao consumidor quando este tiver contato com o produto de moda. O intuito? Fechar o maior número de vendas por meio da experiência.


4) produtora de moda/stylist

Responsável pela composição da coleção de moda pronta em desfiles, ensaios e campanhas publicitárias. Esta profissional precisa entender a essência da coleção e interpretá-la na imagem que será passada ao consumidor. Precisa ser criativa e estudar tendências.


5) fotografia de moda

Esta profissional é fotógrafa e precisa se especializar em fotografia de moda. O diferencial é que, nesta fotografia precisa focar no produto de moda e ao mesmo tempo contar histórias. Precisa expressar arte tanto do corpo humano quanto da peça de moda.

6) consultora de imagem/estilo

Ou personal stylist são profissionais que focam no perfil de cada cliente e ajuda cada pessoa, individualmente, definir o seu estilo e saber compor tudo que engloba a moda com sua personalidade e biotipo.


7) carreira acadêmica

Esta profissão é pra quem quer ser professora ou diretora de cursos de moda. Faça faculdade, cursos técnicos, pós-graduação, etc. Como em todas as profissões, invista nos seus estudos se você quiser ser professora em qualquer área da moda.


8) varejista de moda

Aqui estão as vendedoras/brechós. Geralmente são lojistas que compram de atacadistas de moda e revendem para o consumidor final com uma margem de lucro.


9) atacadistas de moda

São empresas de produção em cadeia. Criam e produzem peças de moda em larga escala, vendem a preço de custo para os varejistas de moda revenderem.


10) blogueiras de moda

É uma nova categoria dentro das profissões de moda. No caso de moda feminina, estas mulheres são contratadas pelas marcas de moda, para gerar publicidade e alcance para produtos e marcas de moda. A blogueira não tem a obrigação da venda do produto, mas sim divulgação. E quanto maior o alcance, mais bem pagas elas serão.


11) coolhunter

Traduzindo, caçador de tendência é o profissional que faz toda pesquisa, armazenamento de dados e previsões das próximas trends, vende e as marcas lançam as coleções de moda. A marca de moda que compra essas previsões têm vantagem mercadológica competitiva.


Dever de casa

No seu próximo percurso, comece a prestar atenção nas vitrines das lojas, perceba como elas estão compostas e como você se sente. Te instiga a entrar na loja? Ainda no seu percurso, conte quantas lojas de moda você passa em frente. Pode ser moda infantil, masculina ou feminina. Perceba o quanto o mercado da moda é grande sejam em pequenas ou grandes cidades.


Insight do dia

Trabalhe com o que você ama, mas não venha acreditando que, você vai amar tudo o que você faz!